Imagem - Ocemg
Notícias

Encontro de Jovens Cooperativistas reúne mais de 270 participantes

09/08/2022
Imagem - Ocemg

Três dias de muito conhecimento, interação e renovação resumem o Encontro Estadual de Jovens Cooperativistas, realizado pelo Sistema Ocemg entre 4 e 6 de agosto, no Hotel Tauá Caeté.

 

Mais de 270 jovens cooperados, colaboradores ou filhos de cooperados, entre 18 e 35 anos de Norte ao Sul de Minas e de outros Estados, estiveram presentes. O intuito do evento é encorajar e estimular a participação de jovens nos debates relativos às cooperativas nas quais estejam envolvidos, visando reconhecer a importância do seu papel no contexto da promoção do desenvolvimento e sustentabilidade desses empreendimentos.

 

Contente com a retomada do encontro após hiato de alguns anos para reformulação, o presidente do Sistema Ocemg, Ronaldo Scucato, falou sobre a necessidade do público jovem se envolver na rotina da cooperativa ou estimular que seus pais cooperados estejam próximos da organização. Para o futuro, desejou a todos: “que tenham saúde e uma vida longa, repleta de realizações, fazendo o bem e fazendo bem-feito; que tenham sabedoria, se cuidem, se preparem e ajam com decência; e, por fim, que tenham muito boa sorte!”

 

A partir da palestra – Você já aprendeu a desaprender? a consultora de Desenvolvimento Humano e Organizacional, Ana Caroline Olinda, compartilhou alguns aprendizados e reflexões adquiridas em sua trajetória pessoal e profissional. Segundo ela, 40% do que as pessoas fazem são hábitos, que o cérebro automatiza, e mudar isso é desaprender. E, com foco na atuação e no engajamento dos jovens cooperativistas, Carol ressaltou: “legado é o que construímos olhando para frente, não olhando para trás, para o passado, senão tropeçamos. E não olhando para o lado, para não se pegar se comparando com ninguém”.

 

Durante o encontro, os participantes divertiram-se com o acompanhamento e incentivo do palestrante, empreendedor, professor e co-empreendedor da HSM Expo, Dante Freitas, e do também palestrante, empreendedor e professor da C Singularity University Brasil, Rennan Hanonouche. Eles são sócios em alguns empreendimentos, com foco em desbloquear a inovação e despertar a essência criativa das pessoas e organizações.

 

Em sua fala, Dante comentou sobre alguns aprendizados que a pandemia trouxe e que podem auxiliar para se destacar e sair a frente em algumas situações o primeiro é que o cenário pandêmico mostrou que ou todos ganham ou todo mundo perde, a necessidade da intercooperação “um ajudando o outro” para sobreviver e se desenvolver, uma máxima que está no DNA do cooperativismo; que mesmo isolados no ‘metro quadrado de casa’ faltava espaço; e ainda a “Alfabetização do sentir”, aceitar que a intuição vai guiar os próximos passos e isso é muito importante para empreender.

 

Por meio de workshops e ações interativas, Renan destacou que um dos objetivos do encontro é buscar construir um plano de ação para a construção de um cooperativismo mineiro diferente pensando o que é importante manter, mudar ou excluir. E completou sobre a importância de cooperar e agir juntos: “não importa para onde a gente vai, mas com quem a gente vai”.

 

A programação contemplou ainda uma apresentação do CEO e fundador da Sambatec, Gustavo Caetano. Ele contou que o pai foi sempre cooperado e dirigente da Unimed e frisou que cocriar, criar junto, tem tudo a ver com cooperativismo, ressaltando a importância da participação de cada um para o crescimento e a inovação da organização. Caetano ainda alertou sobre as empresas que procuram inovar a todo custo: “o maior erro da transformação digital é tentar automatizar tudo. Tem hora que é necessário humanizar um atendimento, um processo, do que levar para o digital”.

 

Por fim, Murilo Gun, palestrante, comediante e um dos pioneiros na internet, fechou a programação falando sobre a Coragem para se Reinventar. Segundo Murilo, “Para colocar em prática a cooperação e o verdadeiro espírito cooperativista é preciso estar bem consigo mesmo”. Ele propôs uma autorreflexão e exercícios diários de autocuidado para que cada jovem possa se conhecer, se encorajar e ser a mudança necessária para a sua cooperativa.

 

Juventude, cooperativismo e empreendedorismo

 

Durante o evento os participantes participaram de um painel que reuniu três exemplos de jovens que estão em posição ativa nas suas cooperativas. A coordenadora do Comitê Nacional de Jovens e Embaixadora  Coop em 2019, Jéssyca  Bolzan, o embaixador Coop de 2019 e colaborador do Sicoob Credibom, João Paulo Libério da Silva,  e a produtora rural e sucessora na Agropecuária Zambiasi, no Rio Grande do Sul, Larissa Zambiasi.

 

Libério contou sobre o Congresso Brasileiro do Cooperativismo em que participaram do Comitê de Jovens e entregaram ao presidente da Unidade Nacional, Márcio Lopes de Freitas, uma carta manifesto  expondo que gostariam de ter voz, reduzir as mazelas da sociedade e garantir que possam existir líderes no futuro capazes de tornar o cooperativismo ainda mais forte nos próximos anos.

Outro momento que instigou os participantes foi o TED: Empreendedorismo Social – Jovens que inspiram e constroem o futuro. A conversa reuniu a CEO do Embaixadores da Educação, Guilhermina Abreu; o diretor de Operação da ONG Renovatio, Pedro Ivo; e o Idealizador do Lá da Favelinha, Kdu dos Anjos.

Para acessar as fotos do evento, clique aqui.

 

Imagem - Ocemg

Baixe o Aplicativo do
Sistema Ocemg

Disponível para:
Imagem - Ocemg