Imagem - Ocemg
Notícias

Encontros virtuais do GDA são iniciados com representantes de cooperativas de café

19/06/2020
Compartilhar em:
WhatsAppFacebookTwitterLinkedIn
Imagem - Ocemg

O Sistema Ocemg iniciou no dia 16 de junho os encontros virtuais com as cooperativas participantes do Programa de Acompanhamento Econômico e Financeiro (GDA). O primeiro da série de três eventos apresentou o cenário mineiro do setor cafeeiro e contou com a participação das cooperativas de café integrantes ao Programa.

Os encontros visam apresentar os indicadores do setor no período de 2015 a 2019, contextualizando o atual cenário de pandemia e como ela vem afetando as cooperativas, bem como as perspectivas futuras no âmbito dos negócios.

O palestrante convidado foi o coordenador de monitoramento do Sistema Ocepar, João Gogola que apresentou o atual cenário econômico do país e detalhou os estudos feitos pela Unidade, com indicadores da curva de pandemia e seus impactos diretos e indiretos no setor.

“É uma grata satisfação falar para as cooperativas mineiras sobre as nossas experiências, e o nosso objetivo é trazer a compreensão deste cenário de excepcionalidade que até então nenhum de nós imaginaríamos passar. Nós, como entidades de representação, devemos fazer ações estratégicas para auxiliar as cooperativas, e estas ações são possíveis quando temos as informações consolidadas”, comentou Gogola.

Em Minas Gerais, o setor agropecuário representa um faturamento de R$23,2 bilhões, conta com a participação de 180 mil cooperados e 16,6 mil empregados, gera R$14 bilhões de ativos totais e apresenta um capital social de R$922,2 milhões.

O Estado é o maior produtor de café do Brasil, sendo que 69,2% do café produzido em Minas passa por uma cooperativa. Nos últimos cinco anos, o volume de café produzido pelas cooperativas aumentou 47,3%. Hoje, a cada 10 xícaras de cafés consumidas no Brasil, quatro são de cooperativas.

“A análise comparativa nos permite avaliar como estamos em relação ao setor , desta forma podemos analisar como as cooperativas mineiras estão se comportando, quais os indicadores e projeções. O Sistema Ocemg vem trabalhado de forma a auxiliar o processo de tomada de decisão por meio dos indicadores”, explicou José Fidelis, que ressaltou que na sequência dos encontros virtuais, cada cooperativa poderá agendar as visitas virtuais para as análises individuais e confidenciais de cada cooperativa com a Gerência de Monitoramento e Desenvolvimento de Cooperativas pelo e-mail: cooperativa@minasgerais.coop.br.

Nas visitas virtuais será apresentada a análise dos indicadores e os principais referenciais da ferramenta GDA, que transforma as informações em dados gerenciais, fomentando a transparência na gestão e um melhor acompanhamento através dos relatórios gerados pelo sistema.

GDA Agropecuário em Minas 

Efetivamente o programa foi iniciado em Minas Gerais em 2017, e hoje conta com a participação de 120 cooperativas do ramo Agropecuário. O GDA é um sistema gratuito de inserção e consolidação das informações contábeis (Balanço Patrimonial e Demonstração de Sobras/Perdas do Exercício) das cooperativas brasileiras. O processamento desses dados gera indicadores que facilitam o acompanhamento dos resultados das organizações e de seus empregados. O conteúdo fica disponível para consulta de modo individual, facilitando o processo de tomada de decisão das cooperativas.

Confira a programação dos próximos encontros na seção de cursos deste portal.

Imagem - Ocemg

Baixe o Aplicativo do
Sistema Ocemg

Disponível para:
Imagem - Ocemg